Tags

,

Na última sexta-feira, 7 de dezembro, durante a cúpula de chefes de Estado do MERCOSUL em Brasília, a Bolívia assinou seu protocolo de adesão como membro pleno do bloco. O próximo passo para que a Bolívia complete o processo de adesão como membro pleno do MERCOSUL é a ratificação do protocolo pelos Parlamentos de Argentina, Brasil, Uruguai, Venezuela e, assim que se encerre sua suspensão, Paraguai.

A Bolívia terá um prazo de quatro anos, a partir da ratificação, para incorporar o acervo normativo do MERCOSUL ao seu ordenamento jurídico. A Secretaria do MERCOSUL será a depositária provisória do protocolo de adesão. Enquanto o processo de ratificação estiver em andamento, a Bolívia integrará a delegação do MERCOSUL em negociações com terceiras partes.